Tampa e rotor do distribuidor

Ignição

Quando o rotor gira dentro da tampa do distribuidor e distribui a alta tensão, a corrente salta entre a ponta do rotor e o terminal da tampa. Esse "salto" da faísca provoca desgaste do material da ponta do rotor e dos terminais da tampa. Quanto maior for a distância entre os dois pontos, maior será a necessidade da alta tensão, aquecendo a bobina.

TAMPA DO DISTRIBUIDOR

Características

  • Material utilizado: PF* epoxidado.

Vantagens

  • Melhor isolante.
  • Suporta temperaturas mais altas.
  • Evita fugas de corrente.

Benefícios

  • Funcionamento suave do motor.
  • Evita falhas de ignição.
  • Mais potência.
  • Proteção para o catalisador.

ROTOR

Nos rotores existe um resistor supressivo (conhecido por resistência), que tem a função da atenuar as interferências eletromagnéticas produzidas pela faísca. Essas interferências podem interferir no funcionamento do rádio (ruído), injeção e outros componentes eletrônicos do veículo. A resistência deve ser testada e, se estiver com valor diferente do recomendado, o rotor deve ser substituído, caso contrário poderá influir na potência da ignição.

Características

  • Resistor de níquel-cromo.
  • Carcaça de PF epoxidado.

Vantagens

  • Evita ruídos no equipamento de som.
  • Evita interferência eletromagnética nos sistemas de injeção e ignição eletrônicos.
  • Suporta temperaturas mais altas.

Benefícios

  • Funcionamento suave do motor.
  • Evita falhas de ignição.
  • Mais conforto.
  • Proteção para o catalisador.